Como se formam as doenças em nosso corpo físico

“O corpo espiritual guarda um histórico de todas as ações praticadas no mundo material. (…) Quando você poderia imaginar que raiva, ódio, inveja, egoísmo, intolerância fariam parte de um diagnóstico?”
Filme: Nosso Lar

Somos feitos de energia condensada. Assim como a água que é feita de moléculas, e estas de acordo com sua frequência de vibração podem assumir um estado sólido, líquido ou gasoso, nossos corpos energéticos possuem diferentes estados de frequência, indo desde o mais sutil (os corpos interiores) até o mais denso (que é o corpo físico).

 

 Tudo que pensamos, tudo que sentimos, emite uma energia, uma vibração, e vai para o nosso campo energético. Diferentes sensações, emoções e lembranças são manifestados e armazenados em diferentes partes do nosso corpo e tendem a ficar por ali, naquela região.

Então, se repetimos uma mesma emoção ou pensamento muitas vezes, este é o que estaremos “plasmando”, que significa que é esta vibração que estaremos emitindo de nosso campo. Esta informação fica, então, impregnada em nosso corpo. O ato de meditar, orar, agradecer emitem vibrações de alta frequência e estas, em nosso campo energético, nos harmonizam, no sentido de que tornam a vibração de nosso campo cadenciada e mais sutil, nos trazendo muita paz que é sentida por todos que chegam perto ou conversam conosco.

Se por acaso alimentamos emoções e pensamentos de baixa frequência, então são estes que estaremos emitindo. Porém, mais que isto: estas informações ficarão impressas em nosso campo energético e naquele local do corpo onde estão se originando (medo no chackra básico, amargura no cardíaco, insegurança consigo mesmo nos pulmões, e assim por diante. Com o tempo, à medida que vamos alimentando mais e mais esta mesma sensação ou pensamento, vamos colocando mais e mais energia ali, naquela parte de nosso corpo, até que se forma um ponto mais denso de energia escura. A energia densa acumulando-se, torna-se mais e mais densa, até que finalmente chega à mesma densidade do corpo físico e nós conseguimos percebê-la na forma de alguma “doença”.

A doença do físico é então, uma energia que se solidificou ao ponto de o nosso sistema de corpos sentir a necessidade de expulsá-la para fora de nós, na tentativa de reestabelecer o equilíbrio. O corpo humano e a natureza têm esta característica em comum: ambos estão sempre tentando reestabelecer o ponto de equilíbrio.

Antes de se manifestar no físico, o sintoma da doença começa a se manifestar para que nós atentemos para o que estamos fazendo. É importante prestar atenção ao que o nosso corpo físico está tentando nos dizer, pois ele fala conosco o tempo todo. Aprender a ler os sinais que o corpo te passa é não só uma via de auto conhecimento como um meio para estarmos em constante aprendizado e melhoramento de nós mesmos.

Compartilhar:
  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    2
    Shares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *